Argos, Lady Lou e Sous Le Vent são campeões do Ubatuba Sailing Festival

2T7A0701.jpg

A 8ª edição do Ubatuba Sailing Festival chegou ao fim nesta segunda-feira no Ubatuba Iate Clube após três dias de competição. E com apenas uma regata realizada com vento fraco os favoritos confirmaram o título. Na IRC o Argos, de Jaime Cupertino venceu a terceira regata consecutiva e levou o título para casa. Na RGS, Torben Grael, que contou com o reforço de sua esposa Andrea, levou a melhor sobre seu irmão Lars e ficou com o ouro. Na Bico de Proa o Sous Le Vent, do comandante Paulo Fonseca, também venceu as três e conformou o primeiro lugar. O evento também foi válido como primeira etapa do Campeonato Paulista de Oceano.

“O clube recebe a gente sempre muito bem. O lugar é muito bonito, as regatas são boas e bem organizadas e tudo isso faz com que a gente volte todo ano. Esta edição começou com um susto no primeiro dia com a ressaca e parecia que seria difícil fazer as regatas, mas no final deu tudo certo”, disse Torben Grael.

“Este foi o primeiro campeonato oficial do nosso barco. Fizemos uma clínica há uns dias atrás com o André Fonseca, o Bochecha, e estreamos em regata agora. O campeonato foi muito bom. Achamos que o vento ia estar mais fraco, mas felizmente deu para todo mundo participar e se divertir bastante”, disse José Antônio Bispo dos Reis, o Zequinha, timoneiro do Argos.

A previsão do tempo para esta segunda-feira (1) indicava ventos na casa dos 10 nós, porém, ao meio dia, horário que estava programada a largada da primeira regata, ele apareceu bem mais fraco. Com isso a CR comandada por Cuca Sodré conseguiu realizar apenas uma das duas regatas previstas para o dia. O campeonato terminou com três das cinco regatas previstas e sem nenhum descarte. Já em terra, os velejadores foram recebidos com um almoço de confraternização oferecido pelo clube durante a festa de premiação.

“O Ubatuba Sailing Festival está se firmando cada vez mais no cenário da vela oceânica brasileira. Estiveram presentes equipes de Ubatuba, Santos, Ilhabela, Angra dos Reis e Rio de Janeiro. Este ano o evento também foi válido como primeira etapa do Paulista de Oceano, que terá ainda etapas em Ilhabela, em setembro, e terminará em Santos com a tradicional Volta a Ilha dos Arvoredos em novembro”, disse Cuca.

“Esta edição do Ubatuba Sailing Festival foi muito boa. Tivemos diferentes barcos vencendo em cada categoria por conta do regime de vento, que foi um pouco mais fraco. Trinta barcos vieram até aqui nos prestigiar e outros tantos que não puderam vir nos ligaram pedindo desculpas, ou seja, este já é um evento que as pessoas já se preparam para participar durante o ano”, disse Julio Cechetto, Comodoro do Ubatuba Iate Clube.

Resultado final após três regatas:

IRC:
1. Argos
2. Rudá
3. Asbar

RGS:
1. Lady Lou
2. Nativo
3. Aries III

Bico de Proa A:
1. Sous Le Vent
2. Futuro
3. Kakalê

Bico de Proa B:
1. Sete
2. Coração
3. Folgado

O Ubatuba Sailing Festival é organizado pelo Ubatuba Iate Clube e conta com o apoio de V.Bros, Renew Boats, RBM Corretora de Seguros, Tintas International, Quantum Sails, Rádio Vozes.com, Revista Mariner, Farol das Tintas, Hotel Solar das Águas e Postos Flutuantes BR Mônaco e Ímola.

 

 

 

Vela: Argos fatura a segunda fita-azul do Ubatuba Sailing Festival

 

2T7A0150.jpgDepois de um dia chuvoso e quase sem vento, o sol finalmente apareceu em Ubatuba e os 30 barcos que disputam o Ubatuba Sailing Festival tiveram um dia excelente de regatas. Com o vento um pouco mais forte, a CR pôde finalmente fazer a regata de percurso longo. Foram dois percursos distintos: volta a ilha Vitória para IRC e RGS e volta a ilha Anchieta para Bico de Proa, ambas por boreste. Após a regata, os velejadores foram recebidos no Ubatuba Iate Clube, sede da competição, com a tradicional galinhada.

Na regata mais curta, o primeiro barco a cruzar a linha de chegada foi o Sous Le Vent VII, de Paulo Fonseca. O time levou pouco mais de duas horas para completar o percurso de 10 milhas e levou pa ra casa o troféu de fita-azul da classe Bico de Proa.

“A regata foi maravilhosa. Começamos com vento fraco e por isso a largada foi bem complicada, mas com essa tripulação maravilhosa, conseguimos passar todo mundo, ficando na ponta o tempo todo. É muito bom velejar aqui. O pessoal trata a gente sempre muito bem e nos sentimos muito acolhidos”, disse Paulo.

Dentre os barcos maiores, o fita-azul foi novamente o Argos, de Jaime Cupertino, com um total de 3h20min de regata em um percurso de 32 milhas.

“A regata foi sofrida. Tivemos um través forçado na volta da ilha, trocamos de vela três vezes e no final deu tudo certo. O Sessentão estava na nossa frente, mas errou na subida do balão e conseguimos passá-los”, disse José Antônio Bispo dos Reis, o Zequinha, timoneiro do barco.

Para esta segunda-feira estão programadas até duas regatas barla-sota. Logo após haverá a cerimônia de premiação com almoço na sede social do Ubatuba Iate Clube.

O Ubatuba Sailing Festival é organizado pelo Ubatuba Iate Clube e conta com o apoio de V.Bros, Renew Boats, RBM Corretora de Seguros, Tintas International, Quantum Sails, Rádio Vozes.com, Revista Mariner, Farol das Tintas, Hotel Solar das Águas e Postos Flutuantes BR Mônaco e Ímola.

 

 

 

Ubatuba Sailing Festival começa com falta de vento e regata de percurso médio

WhatsApp Image 2017-04-29 at 18.00.57 (1).jpeg

O primeiro dia de regatas do Ubatuba Sailing Festival começou com chuva e sem vento algum. Os trinta barcos que disputam a competição realizada pelo Ubatuba Iate Clube esperaram quase uma hora até a largada da única regata do dia. As classes IRC e RGS contornaram a ilha do Mar Virado, enquanto a classe Bico de Proa fez um percurso menor, de 9,4 milhas náuticas (17 km). Depois de 2h40 de regata, o Argos, de Jaime Cupertino, foi o primeiro a cruzar a linha de chegada do percurso mais longo. O Smart, de André Brumer, foi o primeiro entre os barcos mais lentos.

“Fizemos uma regata muito boa. Estamos muito contentes com o barco novo!”, disse Marlon Cândido da Silva, tático do barco. Esta é a primeira regata que o time corre com o barco, um Soto 40 recém reformado.

A programação deste primeiro dia previa uma regata longa, até a ilha Vitória. Porém, como o vento não apareceu, a CR optou por fazer uma regata mais curta e transferir a regata longa para amanhã. Logo após a largada o Sessentão, de Alain Simon, assumiu a ponta e foi assim até a chegada na ilha. Ali, o Argos, o Asbar, o Zorro e o Montecristo encostaram, deixando a disputa mais acirrada.

A regata só foi decidida na linha, com apenas dois minutos separando o Argos do Sessentão, segundo colocado. “Foi um dia de vento fraco, mas conseguimos fazer uma regata muito boa. Erramos na troca de vela na ilha e os outros barcos acabaram chegando em nós”, disse Alain Simon, do Sessentão.

Abertura teve bate-papo com Lars Grael:

A abertura do Ubatuba Sailing Festival ocorreu na sede social do Ubatuba Iate Clube na noite desta sexta-feira. Os velejadores e autoridades que estiveram presentes tiveram a oportunidade de bater um papo com o velejador medalhista de bronze em Seul e Atlanta Lars Grael. Lars contou um pouco sobre sua carreira e como gosta de participar desta competição, que este ano chega em sua 8ª edição.

O Ubatuba Sailing Festival é organizado pelo Ubatuba Iate Clube e conta com o apoio de V.Bros, Renew Boats, RBM Corretora de Seguros, Tintas International, Quantum Sails, Rádio Vozes.com, Revista Mariner, Farol das Tintas, Hotel Solar das Águas e Postos Flutuantes BR Mônaco e Ímola.

Resultados:

RGS
IRC
Bico de Proa

Foto: Marcos Méndez/Sailstation

Ubatuba Sailing Festival terá bate papo com os irmãos Grael

11071307_818045858274334_9166885763977137455_o

No próximo dia 28, sexta-feira, começa no Ubatuba Iate Clube a sétima edição do Ubatuba Sailing Festival. E quem estiver por lá na abertura do evento, a partir das 20h, poderá acompanhar um bate-papo com os irmãos Torben e Lars Grael. A competição reunirá cerca de 270 velejadores em quatro dias de regatas longas e barla-sota, além de muita festa em terra.

“Vamos contar um pouco sobre nossa trajetória e aproveitar para bater um papo com os presentes. Então quem quiser saber mais sobre nós, poderá fazer perguntas e responderemos com o maior prazer”, disse Lars. O velejador esteve no clube neste final de semana, quando foi levar o Tangará II, veleiro com o qual participará da competição.

O evento, que também será válido como primeira etapa do Campeonato Paulista, é aberto para as classes ORC, RGS, Bico de Proa e C30. As inscrições podem ser feitas no site do clube (www.ubatubaiateclube.com.br) e custam R$ 120,00 por tripulante. Diversos barcos de São Paulo e Rio de Janeiro já confirmaram a participação, como o lendário Atrevida, veleiro clássico de 95 pés, Lady Lou, Sessentão, Montecristo, Orson, Asbar IV e Mystic.

Programação:

28/4: Inscrições e coquetel de abertura
29/4: Regatas barla-sota e confraternização com a tradicional galinhada do UIC
30/4: Regata de percurso longo e churrasco
01/05: Regata barla-sota e entrega de prêmios com macarronada e sorteio de brindes

O Ubatuba Sailing Festival é organizado pelo Ubatuba Iate Clube e conta com o apoio de V.Bros, Renew Boats, RBM Corretora de Seguros, Tintas International, Quantum Sails, Rádio Vozes.com, Revista Mariner, Farol das Tintas, Hotel Solar das Águas e Postos Flutuantes BR Mônaco e Ímola.

 

Veleiro clássico Atrevida confirma participação no Ubatuba Sailing Festival

16463338_1449144598443537_6825589146241196955_oNoventa e quatro anos de histórias. Noventa e cinco pés de comprimento. Este é o Atrevida, veleiro clássico que acaba de confirmar sua participação no Ubatuba Sailing Festival, que será realizado no Ubatuba Iate Clube entre os dias 28 de abril e 1º de maio. A competição, válida como primeira etapa do Campeonato Paulista de Oceano, vai reunir grandes nomes da vela brasileira em regatas de percurso e barla-sota, além de muita festa em terra. Continuar lendo “Veleiro clássico Atrevida confirma participação no Ubatuba Sailing Festival”

Ubatuba Sailing Festival reúne estrelas da vela oceânica Brasileira

11159921_818048714940715_8134194920345725534_o.jpg

O Ubatuba Iate Clube vai ser o point da vela no feriado prolongado do Dia do Trabalho. Isto por que entre os dias 28 de abril e 1º de maio o clube do litoral norte paulista vai sediar o Ubatuba Sailing Festival, tradicional competição da vela oceânica brasileira, válido também como etapa do Campeonato Paulista de Oceano. Nomes como Torben e Lars Grael já confirmaram a participação na competição. Continuar lendo “Ubatuba Sailing Festival reúne estrelas da vela oceânica Brasileira”